About Me

My photo

Paulo José da Costa é livreiro e ex-funcionário do Banco do Brasil.   Considera-se um garimpador da memória, procurando nos sótãos e porões as fotos antigas, postais, cartas, diários com que alimenta sua paixão que tem foco no cotidiano.  Pesquisador de história da música e do cinema, postando raridades no youtube.  Mantém enorme acervo de cds, dvds, fitas, vinil, discos de rádio, 16 polegadas, 10 polegadas, compactos e o escambau. Ex-libris, filmes antigos, gravuras, affiches, cartas, jornais antigos, albuns de família, postais, a lista é grande. Sempre procurando mais. Tem quatro blogs e desenvolve projeto de livro sobre o cotidiano paranaense através das fotos de família entre 1870/1960. Mantém arquivo de memória paranaense e catarinense.

01 July 2014

FOTOS ORIGINAIS DE ARTHUR WISCHRAL ENCONTRADAS NA ALEMANHA

"CENAS DE VIAGEM DO LITORAL PARANAENSE - 1929" PROJETO DE UM LIVRO ORIGINAL DO EXPLORADOR HUGO HEGENBERG E DO FOTÓGRAFO ARTHUR WISCHRAL ENCONTRADOS NUM ANTIQUÁRIO DE LIVROS NA ALEMANHA

                      Com grande alegria compartilho com os meus amigos leitores do blog a chegada de um pacote formidável da Alemanha. Trata-se do manuscrito do original do livro "Reisebilder vom Paranaenser Meerestand", dos exploradores Hugo Hegenberg e Arthur Wischral.  O primeiro é autor do texto e o segundo, das fotografias.  Infelizmente o livro jamais foi lançado mas esse original permaneceu na Alemanha por oitenta e cinco anos, até ser posto à venda numa pequena "BücherAntiquariat".  Por acaso, pesquisando sobre Hugo Hegenberg, fui surpreendido com a oferta do manuscrito.  Agora, ao recebê-lo, vejo que foi uma compra de notável valor histórico para o Paraná. O manuscrito contém nada menos do que 40 (quarenta) fotos formidáveis do maior fotógrafo paranaense à época, Arthur Wischral, além de dois mapas dos trajetos e o texto saboroso de Hegenberg. A viagem foi feita em 1925/26. O manuscrito é de 1929 e, pela dedicatória nele contida, foi levado à Alemanha em 1933 para publicação.    Contém também textos originais de Lange de Morretes e Ernesto Niemeyer, comentando sobre o trabalho, possivelmente como indicação para a editora à qual foi encaminhado o original.  

                    Por enquanto vou me limitar a colocar um tira-gosto por aqui, quero pesquisar muito sobre esse trabalho e, quem sabe, até preparar um projeto para uma edição em fac-símile em livro. Por isso,  perdoem-me por essa incômoda etiqueta em cada imagem, que foge ao meu propósito de sempre disponibilizar meu material para todos,  mas infelizmente, considerando os planos que tenho para esse tesouro que encontrei,  não posso me dar ao luxo de  liberá-las no momento. Contudo, aqueles que precisarem de uma ou duas fotos para um trabalho ou mesmo uma matéria jornalística, que me solicitem e eu prontamente enviarei com melhor definição e sem os marcadores. 

                   Sei da existência de mais fotos desses dois exploradores em arquivo familiar aqui no Paraná, graças à matéria inserida no blog de meu amigo Key Imaguire Jr  (link ao final desta postagem).    Só que se trata de outra viagem, em novembro de 1929,  e o manuscrito se chama "Ferienbilder" e são fotos tiradas pelo Wischral numa viagem de Curitiba a Antonina e reunidas num volume com texto novamente de Hugo Hegenberg.  Uma idéia seria reunir-se com o possuidor do álbum e quem sabe lançar os dois num único volume de fac-símile.  Os dois álbuns contém fotos diferentes e isso é fantástico !                                         Juntaríamos ao manuscrito encontrado na Alemanha e faríamos um livro ainda mais precioso !    O perfeito seria reunir uma equipe para preparar um trabalho sobre essa descoberta e quem sabe operacionalizar a edição.   O Paraná tem um lindo litoral e esse livro mostraria em toda a sua beleza como ele era antes da especulação imobiliária, antes da invasão do bicho homem. Além disso tem toda a importância de revelar inéditos de Arthur Wischral, o maior fotógrafo da paisagem paranaense com certeza. 

                  Paulo José da Costa (em dia muito alegre)        

a capa em couro  

a folha de rosto com fotos e assinaturas dos autores

a pág 12, com manifestação cultural em Guaratuba


escola, em matinhos

resultado de uma pescaria de tainhas !!!

vista espetacular de Caiobá, virgem ! 

Guarakessaba

Lange de Morretes, sobre a obra


Ernesto Niemeyer, sobre a obra

artigo sobre os autores, onde se vê que já haviam publicado outros livros... 

          O LINK PARA O BLOG DO AMIGO KEY IMAGUIRE JR, ONDE ESTÁ O ARTIGO SOBRE O OUTRO MANUSCRITO DOS EXPLORADORES, SOBRE UMA VIAGEM DE CURITIBA A ANTONINA. 

http://keyimaguirejunior.wordpress.com/2013/09/07/de-curitiba-a-antonina-dois-alemaes-nos-trilhos/ 


O ANÚNCIO QUE ME LEVOU À AQUISIÇÃO DO MANUSCRITO:

10 HEGENBERG, Hugo/ WISCHRAL, Arthur; Reisebilder vom paranaenser Meeresstrand. Originalmanuskript mit Originalphotographien. ca 1928; ca 27x22 cm; 36 Blätter Text (von Hugo Hegenberg) mit 40 Originalphotographien (teils handkoloriert) von Arthur Wischral, 2 handgezeichnete Karten (eine gefaltet), eine handgeschriebene Widmung des Architekten Ernesto Niemeyer (von 1929), eine Widmung in Portugiesisch eines dortigen Politikers (von 1928) und einen eingeklebtem Zeitungsausschnitt; Originalledereinband mit Deckeltitel (geringe Gebrauchsspuren, Seiten teils leicht braunfleckig, Bilder vereinzelt durch den Kleber geringfügig fleckig; sonst guter Zustand) EUR  Auf dem Vorsatzblatt Widmung von Hugo Hegenberg an den Reichskanzler Adolf Hitler von 1933. Aufwendig und schön illustriertes Originalmanuskript über eine Reise in Ostbrasilien wohl in den Jahren 1925/26. Es sollte wahrscheinlich als Vorlage für ein Buch dienen, die Autoren suchten schon in Deutschland einen Verlag, doch zu einer Drucklegung scheint es nie gekommen zu sein. Die Autoren: Hugo Hegenberg geb. 1900 in Kettwig (Essen), wanderte 1923 nach Brasilien aus, gründete eine recht erfolgreiche Möbelfirma dort und hielt weiter Kontakt nach Deutschland. Er verstarb 1975 in Curitiba, Brasilien. Arthur Wischral, ebenfalls Brasilien-Deutscher (1894-1964), wurde in Brasilien ein angesehener Photograph, arbeitet in Paraná und brachte mehrere Photobücher heraus. Eine retrospektive Ausstellung seiner Werke in Brasilien wurde erst vor kurzem veranstaltet.


tradução aproximada do anúncio:
10.HEGENBERG, Hugo/ WISCHRAL, Arthur: Fotos de viagem do litoral paranaense. Manuscrito original com fotos originais, circa. 1928,  circa 27 x 22 cm, 36 páginas de texto (de Hugo Hegenberg) com 40 fotos originais (algumas coloridas à mão) de Arthur Wischral, 2 mapas desenhados à mão (um deles página dupla), uma dedicatória  do arquiteto Ernesto Niemeyer (de 1929), uma dedicatória em português de uma autoridade política (de 1928) e um recorte de jornal ...  com uma dedicatória de Hugo Hegenberg ao chanceler do Reich Adolf Hitler, de 1933. Opulento e belamente ilustrado manuscrito original de uma viagem ao leste do Brasil nos anos de 1925/26. Eles desejavam futuramente lançar um livro, assim os autores procuravam uma editora na Alemanha mas não deu certo. Os autores: Hugo Hegenberg, nascido em 1900 em Kettwig (Essen), foi para o Brasil em 1923 como funcionário de uma firma de móveis onde ele mais tarde manteve contato com a Alemanha. Ele morreu em 1975, em Curitiba, Brasil.     Arthur Wischral, também  brasileiro-alemão (1894-1964) tornou-se um conhecido fotógrafo no Brasil, trabalhou no Paraná e publicou mais livros de fotografia. Uma exposição retrospectiva de sua obra no Brasil foi recentemente apresentada.  



Paulo José da Costa
compra e recebe doações de acervos de postais e fotos antigas, inclusive álbuns de família
para arquivo particular
Proteja a memória, ensine as crianças a amar as fotografias. 
41 88050624
paulodafigaro@hotmail.com
https://www.facebook.com/paulojose.dacosta      

4 comments:

  1. Anonymous7:53 AM

    Parabéns pelo belo trabalho, profe Paulo. Vá em frente e monte a equipe para fazer uma versão em Português do texto que, com certeza, vai fazer muito sucesso.
    Abr
    Nilceu

    ReplyDelete
  2. Realmente um trabalho que merece ter um patrocínio governamental e ser traduzido e impresso para que nossa historia do litoral seja enriquecida com esse trabalho.
    Parabéns pela iniciativa.

    ReplyDelete
  3. Maristela Löschner11:26 AM

    Para mim, moradora, professora e pesquisadora da história de Guaraqueçaba é uma alegria saber da existência desse documento. Quando for traduzido e editado em português, terei muito prazer em adiquiri-lo. O fotógrafo citado visitou a família da mãe do meu marido quando ela era criança na colônia alemão em Serra Negra, Guaraqueçaba, PR.

    ReplyDelete
  4. Paulo, parabéns!!!
    Ñ tenho palavras para descrever as 'viagens'proporcionadas por seu blog.
    Abraço

    ReplyDelete

seu comentário está em análise. Em breve será postado.